Página Inicial
Histórico
Equipe Técnica
Bens Tombados
Links
Novidades
Download
Legislação
Contato

Bem Tombado

AG. MATRIZ BANCO MERIDIONAL S.A
   
Nome:
Foto atual
Foto atual
Foto antiga
Foto antiga
Foto Interna Vitral
Foto Interna Vitral
 
AG. MATRIZ BANCO MERIDIONAL S.A
Endereço:
Sete de Setembro, 1028
Cidade
PORTO ALEGRE
Proprietário Atual:
Banco Santander
Portaria:
07/87 de 10.03.87
Número do Processo:
10183-19.00-SEC.87
Número de inscriçao do Livro Tombo:
57 - Livro Tombo Histórico
Data de inscrição no Livro Tombo:
21/12/1992
Data de Publicação em D.O.
17/03/1987
Observações:

O prédio tombado da Antiga Agência Central do Banco Meridional, atual sede do Santander Cultural, está localizado junto à Praça da Alfândega, no centro de Porto Alegre. Foi construído para ser a sede do Banco Nacional do Comércio (que sucedeu ao Banco da Província, o primeiro banco do Estado, fundado em 1858) e  mais tarde sediou o Banco Sulbrasileiro e o Meridional. 

A construção do prédio foi iniciada em 1927, com a contratação do Eng. Hipólito Fabre para projetar e supervisionar a obra. O escultor Fernando Corona projetou as fachadas, os detalhes de molduras e ornamentos. Para projetar os interiores foi contratado o arquiteto polonês Stephan Sobczak. As esculturas existentes sobre o arco da entrada principal foram executadas pelo escultor Alfredo Staege. A firma do arquiteto Theo Wiederspahn também teve participação no projeto arquitetônico. A construção do prédio, que possui 5.600m², foi concluída em 1931.

A linguagem arquitetônica é eclética, com predominância de elementos neoclássicos. De planta retangular, possui três pavimentos, com a parte central iluminada por grandes vitrais no teto, importados da França, bem como os pisos, vidros, portas e revestimentos.  As fachadas imponentes possuem base de granito e são revestidas por cirex (massa raspada, mica), apresentando molduras com elementos escultóricos e decorativos, e colunas lisas em ordem colossal com capitéis coríntios.

O acesso ao prédio é feito por escadas externas nas entradas das ruas Sete de Setembro (hoje incorporada pela praça da Alfândega) e Siqueira Campos.

A edificação foi restaurada recentemente pelo Banco Santander (que incorporou o Banco Meridional; que por sua vez sucedeu ao Banco Sulbrasileiro; este foi criado a partir da junção de vários bancos, entre os quais o Banco Nacional do Comércio). O projeto de restauro e adaptação transformou o edifício em um moderno centro cultural, integrando-se aos demais espaços culturais existentes no centro da cidade, entre os quais o MARGS, o Memorial do RS e o Centro Cultural CEEE/Érico Veríssimo.

Fonte: Livro Tombo e Arquivo IPHAE

 

 
Apoio CEEE
IPHAE - Telefone: 0.xx.51.3288.7532 - Email: iphae@sedactel.rs.gov.br - PORTO ALEGRE/RS - ADM                           Desenvolvido por Naxus Soluções em TI